Aqui você pode deixar sua opinião com relação a Escola de Educação Infantil Pato. Então escreva para pato@pato.com.br:

Confira outros depoimentos deixados por nossos usuários:

3 | Anterior | Próximo |


LETÍCIA VIÇOSA PIRES
"Há 38 anos quem saía do Pato era eu. Levei seis meses para me recuperar... Na nova escola a profe era um amor, mas não tinha mais a rodinha, o saquinho da surpresa, os guris não corriam mais de pneu no pátio....o chão de areia havia sido substituído por cimento, eu voltava com os meus sapatos limpos, mas não podia mais encontrar os "fósseis" que eu encontrava com a minha profe, Marta, do Grupo5... Seis meses... o tempo passou, sobrevivi.


Há 11 anos, em 2001, eu voltei para o Pato, já adulta, como mãe, com meu bem mais precioso até então, a Gabriela, com seus cachinhos caramelo e seus cílios maravilhosos (iguais aos das bonecas que eu desenhava no Pato...).
Ela entrava chorando e eu saía chorando... mais ou menos uns 6 meses...

Como adulta conheci as mesmas profes da minha época de uma forma completamente diferente.... A minha tia, a Beth, excelente profissional, experiente e talentosa com as crianças e conosco, pais....
Também a Márcia e a Laura não eram mais as mesmas... Entretanto elas mantinhas as mesmas características que ficaram no meu inconsciente desde criança: RETIDÃO, COERÊNCIA, DISPONIBILIDADE, E MUITO, MUITO AFETO. A MARCA DO PATO: uma cara só, sem meias-palavras, sem meio-termo, sem disfarces... discurso e atitude, uma coisa só... O Pato é verdade, de verdade.
Quem não quiser ficar, a porta da rua é serventia da casa. O Pato não se vende, o Pato não se corrompe, o Pato não tem medo de cara feia! O Pato "dá os limites!"
A Escola Pato, para mim, não é só de Educação Infantil, mas de Educação da Família também!

Bem, em 2003 eu trouxe a Manuela, minha "Bela Adormecida", com seus cachinhos dourados, chegava sempre dormindo, me facilitou bastante...
Finalmente, em 2008, foi a vez do Guilherme, meu último filho, meu varão, meu Harry Potter, sempre com suas capas e seus casacos compridos...
Durante estes 11 anos encantados, que passaram na velocidade da luz, fiz amigos de verdade, fiz nascer crianças primorosas, voltei a conviver com a minha prima querida, a Mônica, coisa bem boa!....Conheci muitas (acho que quase todas) das professoras, também mulheres maravilhosas, fortes, que trazem na pele a semente do Pato, que, com todo o amor, plantam em seus alunos .... A semente do Amor, do Afeto, da Retidão e da Coerência... Logo, logo começam a florescer, invisíveis, mas bem perceptíveis...

Dizer o que hoje? Me sinto uma privilegiada...
Quero somente agradecer por tudo o que vocês fizeram pelos meus filhos e principalmente por mim.... Só que desta vez acho que vou demorar bem mais que seis meses para me recuperar...
Muitos beijos a todas!!!"

Letícia Viçosa Pires, 44 anos, ex-aluna, mãe da Gabriela, 13 anos, Manuela, 11 anos e do formando, Guilherme, 6 anos.



LUCIANE N. F. DUARTE NA FORMATURA DO GRUPO 5/2012

Hoje é um dia cheio de alegria para todos nós. Nossos filhos passaram muito tempo juntos: brincando, aprendendo, tiveram momentos ótimos, e diria até que inesquecíveis. Riram e choraram juntos. Descobriram muitas coisas novas, entraram no PATO ouvindo e agora contam muitas estórias, desenharam a realidade e a fantasia. Foram tantas as emoções!!!
Nossas crianças estão crescendo e aprendendo cada vez mais, então chegou a hora de ir para outra escola, mas a lembrança de vocês, de suas risadas, de seus olhares brilhantes e brincadeiras vão viver sempre em nossos corações e com certeza nos coração de todos da Escola Pato!!!.
Queremos que vocês, lá na nova escola, brinquem bastante, estudem muito e sigam tudo o que aprenderam aqui.
Queridos pais colegas, sintamo-nos orgulhosos de nossos filhos, eles subiram o primeiro degrau. Cabe a nós continuar incentivando-os e que continuem firmes na longa caminhada que se inicia.
Nosso coração se abre para acolher e a todos guardar, não só na lembrança, mas na continuidade dessa parceria, pais e Escola Pato!!!.
As melhores e as mais lindas coisas do mundo não se podem ver nem tocar. Elas devem ser sentidas com o coração, por isso desejo a todas as crianças do Grupo 5 o que desejo do fundo do meu coração para meu filho Gustavo, ♥ QUE VOCÊS TENHAM SEMPRE CONSIGO: COLINHO DE MÃE, ABRAÇO APERTADO DE PAI E MUITOS SORRISOS. BRILHO NOS OLHOS E MUITO AMOR NO QUE O PAI E A MÃE FAZEM POR VOCÊS. FORÇA NOS OMBROS, AMIGOS POR PERTO, ASTRAL BEM BONITO, SAUDADE MANSINHA, FÉ NO FUTURO, MÚSICA NO OUVIDO, CONVERSA QUE AJUDA, COTIDIANO ENFEITADO, PAZ NO CORAÇÃO, FIRMEZA NOS PASSOS, SONHOS QUE SE REALIZEM E MUITA SAÚDE.
Para todos os teus dias, eternidade a fora, desejo que tenhas tranquilidade para enfrentar as adversidades da vida, que teu caminhar seja leve, que tua bagagem contenha somente o necessário para teu desenvolvimento plenos todos os dias.
Tenha muita saúde espiritual, saúde mental e saúde física, para ti e para os teus amores.
Que tenha sempre bom humor para rir de ti mesmo e que a alegria seja tua companheira.
Que tenhas capacidade de te perdoar e paciência para com os que te rodeiam.
E desejo especialmente que tenhas muito amor para ti e para distribuir com fartura àqueles que cruzarem teu caminho.
Tenho absoluta certeza de que teu destino é ser feliz.
Agradeço por fazeres parte de minha vida.
Um feliz Natal, um Ano Novo cheio de muitas alegrias e bênçãos e, sobretudo sejam muito felizes.

Luciane N. F. Duarte



FABRÍCIO POZZEBON:DISCURSO NA FORMATURA DO G5/2011
No dia de hoje, em que comemoramos a formatura de nossos filhos, aproveitamos para agradecer à equipe da Escola Pato de Educação Infantil. E faço isso, prazerosamente, como ex-aluno desta Escola, em nome dos pais e familiares que aqui estão. Um agradecimento, repleto de reconhecimento, de reconhecimento do esforço, do carinho, da dedicação, do cuidado com que contribuíram para a educação de nossas crianças, colaborando de maneira decisiva na sua formação. Uma formação baseada na relevância do conhecimento, mas também, de maneira mais ampla, de sólidos valores pautados na importância de bem se relacionar com o outro, de respeito ao próximo e do convívio com a diferença.
Enfim, uma formação integral dos seus alunos enquanto seres humanos em permanente construção. Deste modo, estão prontos, temos certeza, para alçar novos vôos, seguros de quem são e do que precisam para serem boas pessoas e cidadãos, de modo a contribuírem para um mundo mais humano e mais fraterno.
Agradecemos, assim, à direção, às professoras e assistentes, por tudo, inclusive pela espera – na porta - do ingresso diário de nossos filhos; pelo atendimento personalizado de cada aluno, pai e mãe; pequenos exemplos desse “algo mais” que recebemos ao longo dessa estada no Pato.
Procurei motivos para tentar entender o porquê da Escola Pato ser diferenciada. Seria pelo fato da direção exercida pela Beth e pela Márcia, que sempre se dedicaram nesta instituição à nobre arte de ensinar? Dedicação essa tamanha que ultrapassa gerações como se pode ver com a presença da Mônica aqui, auxiliando a direção. Seria pela seriedade com que a Laura encara a implementação do projeto pedagógico da escola voltada a um construtivismo atento aos novos tempos, onde aprender não seria uma atividade, mas uma atitude? Seria pelo grupo ímpar de professoras e auxiliares sempre preocupadas com a excelência naquilo que fazem?
Acho que tudo isso e muito mais, mas pensei em resumir a razão no fato de que toda essa valorosa equipe compreendeu e coloca em prática um dos principais ensinamentos do saudoso educador Paulo Freire: “Educar é um ato de amor”. Muito obrigado a todos, um feliz Natal e um ano de 2012 repleto de saúde e realizações.

Fabrício Pozzebon- ex-aluno



EDUARDO COHEN MALTCHIK
O Pato me mostrou a importância da minha infância. De 2000 a 2004, eu tive um dos melhores momentos da minha vida.Lá eu aprendi a ser gente. Sinto saudades de todos os colegas, diretores e professores,
Eduardo Cohen Maltchik